@trans("lk.skipToMain")

ViBrANT

Co-Financiado por: CeNTI-Co-Financiado por

O projeto ViBrANT (Viral and Bacterial Adhesin Network Training) reúne cientistas europeus, especialistas nas suas áreas, na orientação de 15 estudantes de doutoramento (investigadores em início de carreira) em projetos de investigação interdisciplinares focadas em adesinas virais e bacterianas. ViBrANT é uma rede intersectorial de nove instituições acadêmicas, um instituto de investigação sem fins lucrativos, três PMEs e uma empresa de grande dimensão. O objetivo deste projeto é que os estudantes traduzam a investigação fundamental em tecnologias com um forte impacto positivo no desenvolvimento socioeconómico europeu e no cuidado de pacientes com doenças infeciosas - tanto durante os seus doutoramentos como depois.

 

O projeto tem como
objetivos principais:

A investigação no âmbito do ViBrANT seguirá uma metodologia bottom-up no estudo dos processos da adesão bacteriana e viral, desde a pesquisa microbiológica clínica, passando por estudos funcionais de adesinas, até a elucidação de estruturas e desenvolvimento de novos testes e dispositivos diagnósticos. Para que  o conhecimento aqui gerado possa ser aplicado no combate a infeções, foi criado um ambiente interdisciplinar alicerçado nas ciências de engenharia, física e biomédica, em ambiente académico e industrial.

CeNTI-O projeto tem como objetivos principais:

Duração do Projeto: Janeiro de 2018 a Dezembro de 2021

Custo elegível: 3.925.220,40 €

Apoio da União Europeia: 3.925.220,40 €

Região de Intervenção: Europa

Resultados


Os parceiros do ViBrANT têm vindo a desenvolver novos métodos de diagnóstico baseados em novos conhecimentos sobre infeções virais. Desenvolveram novos modelos sobre a forma como as adesinas são expressas na superfície das bactérias, começam a entender a estrutura dos autotransportadores triméricos extraordinariamente longos, desenvolveram novas abordagens para prevenir a adesão bacteriana a superfícies biológicas e não biológicas e desenvolvem métodos de diagnóstico miniaturizados e mais rápidos, que podem revolucionar o atendimento ao paciente. O futuro é medicina personalizada - onde o medicamento prescrito é o mais apropriado para a infeção do paciente, e não de amplo espectro que mata todos os microrganismos presentes.

Para utilizar os nossos serviços tem que aceitar a nossa política de privacidade.
Política de Privacidade |